Blog

Pesquisar
Close this search box.

As 6 melhores práticas para expandir sua produção agropecuária

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo

Sumário

Nós sabemos o quanto a expansão da produção pode ser um objetivo importante para quem trabalha na agropecuária.

Afinal de contas, conseguir maximizar os resultados e impulsionar o crescimento é, provavelmente, um dos maiores objetivos de qualquer empreendedor, não é mesmo?

Investir em técnicas e soluções que promovam a eficiência e o aproveitamento adequado dos recursos é essencial nesse processo.

Neste artigo, apresentaremos algumas das 6

melhores práticas que podem contribuir para acelerar essa expansão. Por isso, continue a leitura e descubra como melhorar sua produção agropecuária de forma eficiente e sustentável.

1 – Manejo adequado do solo

O solo desempenha um papel fundamental na produção agrícola. Investir em práticas de manejo adequadas, como rotação de culturas, adubação balanceada e correção do pH, é essencial para garantir um solo saudável e produtivo.

Realizar análises periódicas do solo permite acompanhar seu estado nutricional e identificar possíveis deficiências, permitindo a aplicação de correções adequadas. Práticas como a rotação de culturas podem ser excelentes opções.

Rotação de culturas

A rotação de culturas é uma técnica que consiste em alternar diferentes espécies vegetais em uma mesma área ao longo do tempo, de forma planejada e estratégica.

O objetivo principal da rotação de culturas é preservar o solo, melhorar sua fertilidade e reduzir problemas com pragas, doenças e plantas daninhas específicas de determinada cultura. 

Essa prática é baseada na diversificação das culturas cultivadas em uma determinada área, visando a otimização dos recursos naturais e a sustentabilidade agrícola.

A rotação de culturas também contribui para a ciclagem de nutrientes, a melhoria da estrutura do solo e a redução da dependência de fertilizantes químicos.

2 – Utilize a agricultura de precisão

A agricultura de precisão é um sistema integrado que utiliza tecnologias avançadas, como sistemas de posicionamento global (GPS), sensoriamento remoto, monitoramento por imagens, drones, entre outros, para realizar um gerenciamento mais preciso e eficiente das atividades agrícolas. 

O objetivo da agricultura de precisão é maximizar a produtividade, minimizar os custos e reduzir os impactos ambientais por meio da aplicação personalizada de insumos, como sementes, fertilizantes e defensivos agrícolas. Essa abordagem permite que o agricultor tome decisões mais embasadas, baseadas em dados e informações detalhadas sobre as condições do solo, clima, umidade, densidade de plantas, entre outros parâmetros. 

O objetivo principal aqui é otimizar os recursos disponíveis, evitar desperdícios e melhorar a eficiência operacional em todas as etapas do processo produtivo. Afinal de contas, um solo equilibrado proporciona um ambiente favorável para o crescimento das culturas, otimizando a absorção de nutrientes e contribuindo para o aumento da produtividade.

3- Gerencie adequadamente o uso da água

A água é um elemento vital para o crescimento saudável das plantas e para o bem-estar dos animais, e utilizá-la de forma eficiente é essencial para maximizar os resultados. Para garantir o uso responsável desse recurso precioso, é importante adotar boas estratégias de gerenciamento da água

A utilização de sistemas de irrigação modernos e eficientes, como o gotejamento ou a microaspersão, contribui para minimizar o desperdício e otimizar o fornecimento de água às plantas, de acordo com suas necessidades específicas. Além disso, é fundamental monitorar cuidadosamente o consumo de água, evitando excessos e realizando ajustes conforme as condições climáticas e as demandas das culturas.

Para fazer um uso adequado da água na agricultura e pecuária, é importante adotar algumas estratégias:

Monitoramento e controle do consumo

É essencial realizar um monitoramento regular do consumo de água na propriedade. Isso pode ser feito por meio de sensores de umidade do solo, que indicam quando e em que quantidade irrigar, evitando tanto a falta quanto o excesso de água. O controle preciso do consumo auxilia na economia e na utilização estratégica dos recursos hídricos.

Utilização de sistemas de irrigação eficientes

Optar por sistemas de irrigação eficientes, como gotejamento, microaspersão ou irrigação por pivô central, é fundamental para evitar o desperdício de água. Esses sistemas permitem uma aplicação precisa da água diretamente nas raízes das plantas, reduzindo as perdas por evaporação e lixiviação. Além disso, o uso de tecnologias como sensores de umidade do solo integrados aos sistemas de irrigação pode ajustar automaticamente o fornecimento de água com base nas necessidades das plantas.

Reutilização e reciclagem da água

Promover a reutilização e a reciclagem da água é uma prática sustentável que contribui para o uso eficiente desse recurso. Águas residuais provenientes de processos como a limpeza de equipamentos ou a produção animal podem ser tratadas e utilizadas para irrigação, reduzindo a demanda por água potável. 

Essa prática também pode trazer benefícios adicionais, como a reciclagem de nutrientes contidos na água residual.

>> Confira AQUI nossa super cartilha de Gestão de Água

4 – Aprimore o gerenciamento financeiro

Manter um controle rigoroso dos custos de produção, identificar oportunidades de redução de gastos e buscar alternativas para otimizar a alocação de recursos financeiros. Um gerenciamento financeiro eficiente na produção agrícola também contribui para a expansão do negócio de diversas maneiras. 

Além disso, é importante realizar análises financeiras periódicas, monitorar o fluxo de caixa e buscar fontes de financiamento adequadas, quando necessário. Estabelecer um orçamento detalhado, controlar os custos, gerir o fluxo de caixa e realizar análises de rentabilidade são práticas eficientes para garantir o equilíbrio financeiro e contribuir para a expansão do negócio. 

Um gerenciamento financeiro eficiente permite tomar decisões estratégicas embasadas em dados concretos, maximizando os resultados e promovendo o crescimento sustentável do negócio.

5 – Invista em técnicas de Manejo Integrado de Pragas (MIP)

O Manejo Integrado de Pragas (MIP) é uma abordagem que combina diversos métodos de controle e estratégias preventivas para lidar com infestações de pragas e doenças nas lavouras. Essa prática envolve a utilização de técnicas que vão além do uso de produtos químicos, promovendo um controle mais eficiente e sustentável.

O propósito aqui é minimizar os danos causados pelas pragas, levando em conta os aspectos econômicos, sociais e ambientais envolvidos. Ao adotar o MIP, os agricultores podem implementar medidas eficazes de controle de pragas de forma mais sustentável e equilibrada.

Um aspecto importante do MIP é o monitoramento constante das lavouras, permitindo a detecção precoce de infestações. Esse acompanhamento regular possibilita identificar os problemas no estágio inicial, quando as populações de pragas ainda estão baixas, facilitando a aplicação de medidas corretivas de forma mais precisa e eficaz. Dessa forma, o MIP contribui para aumentar a segurança das colheitas e reduzir perdas decorrentes de pragas e doenças.

6 – Esteja atualizado e busque capacitação constante

O mercado agropecuário está em constante evolução, com novas tecnologias, regulamentações e tendências surgindo regularmente. Para expandir a produção agropecuária de forma bem-sucedida, é essencial estar atualizado e buscar capacitação constante. 

Acompanhe as mudanças e inovações no setor, participe de eventos, workshops e cursos de atualização. A capacitação constante permite adquirir novas habilidades, explorar oportunidades e se adaptar às demandas do mercado. Por isso, se você atua no setor agropecuário e se preocupa com a produção sustentável de alimentos, não pode deixar de conferir o que o Sebrae preparou para te ajudar a se destacar no mercado.

A expansão da sua produção pode ser apenas um sonho hoje, mas o Sebrae RN pode te ajudar a realizá-lo. Reunimos aqui os melhores ebooks, consultorias, cursos online, entre outros assuntos para ajudar você a desenvolver seu negócio de forma sustentável.

Além da nossa Unidade específica para atender demandas do AGRO, contamos com consultorias tecnológicas (Sebraetec) que oferecem suporte para tornar sua empresa mais competitiva.

Para saber mais confira AQUI todas as nossas iniciativas exclusivas para o agronegócio. Você também pode solicitar atendimento comparecendo ao Sebrae mais próximo ou entrar em contato com nossos especialistas direto pelo Whatsapp. Será um prazer te atender! 

Compartilhe

Sobre o autor

Ana Débora

Ana Débora

Graduada em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, especialista em Gestão de Pessoas e Marketing. Atua na Unidade de Soluções e Relacionamento e é gestora das Mídias Sociais do Sebrae/RN.

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.