Blog

Pesquisar
Close this search box.

Gestão de tempo: 7 dicas infalíveis para você

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo

Sumário

A gestão de tempo é um processo que envolve priorizar as atividades e mensurar o tempo dedicado a cada uma delas. E é um tema sempre em alta, especialmente por sua relevância se estender não apenas ao ambiente de trabalho ou acadêmico, mas também na rotina de todos os aspectos das nossas vidas.

Se você sabe que leva 1 hora e meia para chegar a um compromisso, é importante não marcar outra atividade no intervalo desse trajeto e se planejar com as atividades anteriores. Da mesma forma, se uma tarefa leva 10 horas para ser concluída, prometer entregá-la em 8 horas pode prejudicar o resultado final e o seu bem-estar.

Para estabelecer prazos mais realistas e otimizar a produtividade, é importante analisar individualmente o tempo que cada tarefa demanda. Uma boa gestão do tempo é capaz de promover mais foco e eficiência evitando situações de estresse e ansiedade.

Felizmente, existem várias estratégias que podem ajudá-lo a gerenciar seu tempo de forma mais eficaz. Desde uma simples lista de tarefas até técnicas, aplicativos e ferramentas mais complexas, há muitas maneiras de melhorar sua rotina. Neste artigo, exploraremos sete dicas de ouro para te ajudar na gestão desse recurso tão importante nos dias atuais: tempo. Continue lendo e confira!

Como posso administrar melhor o meu tempo e porque isso é tão importante?

Vivemos em um mundo cada vez acelerado, onde o tempo parece sempre mais escasso e as demandas cada vez mais intensas. Nesse cenário, cada vez mais pessoas se perguntam: estou realmente gerenciando meu tempo de forma eficiente?

É comum nos sentirmos sobrecarregados e sem tempo suficiente para realizar tudo o que gostaríamos. Muitas vezes, nos colocamos em situações de pressão extrema simplesmente por não conseguirmos lidar com todas as demandas que surgem. 

Especialmente para equilibrar a vida pessoal e a rotina corporativa ou acadêmica, ter um planejamento adequado é fundamental para garantir maior produtividade e um bom desempenho. Afinal, uma gestão eficiente do seu tempo não significa espremer o máximo de tarefas que você puder em seu dia. 

Para isso, existem estratégias e hábitos que podem ser adotados para otimizar a gestão do tempo e lidar com todos os compromissos de forma mais eficiente. Veja abaixo algumas delas:

Crie uma rotina

Criar e seguir uma rotina é uma das táticas mais importantes para gerenciar melhor o seu tempo. A rotina cria uma estrutura previsível para o nosso dia a dia, o que nos ajuda a evitar distrações desnecessárias e a utilizar nosso tempo de forma mais eficiente. 

Repetir comportamentos em horários bem organizados fará com que o seu corpo se acostume com as tarefas que devem ser feitas em cada período, melhorando a sua concentração e desempenho. Além disso, seguir uma rotina ajuda a criar hábitos mais saudáveis e aumenta o bem-estar físico e mental. 

Quando temos um horário fixo para realizar determinadas tarefas, nos sentimos mais comprometidos e envolvidos com as atividades. Isso pode ser especialmente útil para quem tem dificuldade em manter a concentração e a produtividade ao longo do dia.

Outra vantagem que uma rotina pode trazer é a redução da ansiedade e do estresse. Quando sabemos exatamente o que esperar de nosso dia a dia, nos sentimos mais preparados e confiantes para lidar com o que pode surgir.

Para criar uma rotina eficiente, é preciso identificar quais são as atividades mais importantes na sua rotina atual e estabelecer um horário fixo e realista para realizá-las.

É importante também levar em consideração nossos hábitos e preferências pessoais. Muitas pessoas são mais produtivas pela manhã, outras apenas quando chega a noite. Assim, é recomendável identificar e dedicar esse período específico para atividades que exigem mais concentração e foco.

No entanto, é importante lembrar que a rotina não precisa ser tão rígida. Se permita certa flexibilidade para lidar com imprevistos e para se adaptar às mudanças que surgem ao longo do dia. A rotina deve ser vista como uma ferramenta para ajudar e não como uma limitação.

Planeje o seu tempo

Quando planejamos nosso dia, conseguimos ter uma visão clara do que precisa ser feito ao longo da rotina, o que nos ajuda a evitar a procrastinação e a utilizar nosso tempo de forma mais eficiente.

Uma das formas mais comuns de planejar o tempo é através da criação de listas de tarefas ou to-do lists. Essas listas podem ser feitas em papel ou em aplicativos, e ajudam a organizar as atividades que precisam ser realizadas ao longo do dia. 

Ao anotar as tarefas em uma lista, é possível ter uma visão mais clara do que precisa ser feito e de quanto tempo cada atividade deve levar. A ideia por trás da lista é hierarquizar as tarefas e gerenciá-las de maneira estratégica, para que a sua rotina seja mais eficiente e produtiva.

Você também pode utilizar recursos como agendas ou calendários para visualizar sua rotina de forma mais rápida, o que pode ser útil para identificar possíveis conflitos de horário ou para planejar atividades que exigem mais tempo ou preparação.

Independentemente da ferramenta escolhida, lembre-se que esse planejamento está dentro da sua rotina, e portanto, deve ser adaptável. É comum que surjam imprevistos ou que as atividades levem mais tempo do que o esperado, e você precisa estar preparado para lidar com essas situações. 

Por isso, é recomendável deixar um espaço na agenda para lidar com imprevistos e ter flexibilidade para ajustar a rotina quando necessário. 

Faça Intervalos

Apesar de muitas vezes associarmos a produtividade a um ritmo acelerado e constante, a verdade é que nosso cérebro e nosso corpo precisam de pausas regulares para funcionar de forma eficiente.

Quando trabalhamos por longos períodos sem uma pausa adequada, é comum que nossa concentração e nossa capacidade de raciocínio diminuam. Além disso, pode surgir um sentimento de cansaço e desmotivação, o que pode afetar negativamente nosso desempenho.

Por outro lado, quando fazemos pausas regulares, permitimos que nosso cérebro e nosso corpo descansem e se recuperem, o que pode nos ajudar a manter a concentração e o ritmo ao longo do dia. Além disso, ter intervalos de descanso podem ajudar a reduzir os níveis de estresse e ansiedade, impulsionando a qualidade da atividade que estamos realizando.

Estudos indicam que a atenção de um adulto ocidental dura, em média, entre 10 e 20 minutos. Isso significa que é inevitável fazer pausas regulares ao longo do dia de trabalho de 6 ou 8 horas. Por isso, é recomendável que você pare pelo menos 10 minutos a cada hora de trabalho para descansar, se alongar e recuperar a concentração. Essas pausas podem ajudar a melhorar a qualidade do trabalho e evitar a fadiga mental e física.

No entanto, é importante avaliar a melhor forma de inserir esses momentos ao longo da rotina. Pausas que envolvem atividades que estimulam o cérebro ou o corpo, como caminhar, meditar ou ler um livro, são mais eficazes do que pausas que envolvem atividades que podem aumentar o estresse, como navegar em redes sociais ou assistir a vídeos no YouTube.

Além disso, é importante encontrar um equilíbrio e ritmo que permita fazer pausas regulares sem comprometer a qualidade e a quantidade de trabalho que você precisa realizar.

Determine prioridades

Priorizar as tarefas é fundamental para gerenciar melhor o tempo e aumentar a produtividade. Ao estabelecer prioridades, conseguimos identificar as tarefas mais importantes e dedicar a energia certa a elas.

Princípio de Pareto

Uma das técnicas mais populares para estabelecer prioridades é a técnica Pareto. Ela se baseia no princípio de que 80% dos resultados são obtidos com 20% do esforço. Descubra o que esses 20% significam na sua rotina. Ou seja, priorizar as tarefas mais estratégicas que geram maior impacto na sua rotina e dedicar mais tempo a elas, não apenas para executá-las com excelência, mas também para pensar em formas de aprimorá-las e maximizar seus resultados.

Técnica Pomodoro

Outra técnica útil para priorizar tarefas é a Pomodoro. Ela consiste em dividir o tempo em blocos de 25 minutos, seguidos por breves pausas de 5 minutos. Ao final de quatro blocos de 25 minutos, é recomendável fazer uma pausa mais longa, de 15 a 30 minutos.

Para aplicar a técnica, é preciso definir a lista de tarefas a serem realizadas e um período de tempo para cada uma delas, de preferência de 25 minutos. Durante esse período, é importante focar exclusivamente na tarefa, sem interrupções ou distrações. Ao final do período, faça uma pausa breve de 5 minutos para descansar e recarregar as energias antes de iniciar a próxima tarefa ou retomar a anterior.

Lembre-se: Ao usar técnicas como a Pareto e a Pomodoro considere que cada pessoa tem suas próprias preferências e necessidades. Avalie cada método e veja o que melhor se adapta ao seu cenário para alcançar os melhores resultados.

Estabeleça metas

As metas são guias para alcançar objetivos, tanto pessoais quanto profissionais, por meio de um direcionamento claro e objetivos concretos a serem alcançados ao final de uma jornada.

Defina metas claras e específicas, com prazos e resultados esperados. Prefira as que sejam desafiadoras, mas que também sejam realistas e alcançáveis. Certifique-se de que estão de acordo com suas habilidades e recursos disponíveis. Evite metas muito genéricas ou vagas, pois elas podem ser difíceis de medir e alcançar. 

Para metas maiores, divida-as em pequenas etapas para facilitar o acompanhamento e a execução. Monitore regularmente o progresso das atividades estabelecidas e revise-as quando necessário. Isso ajudará a manter o controle e a fazer ajustes ao longo do caminho. Essa dica vale para qualquer aspecto da sua vida, afinal, as metas não precisam ser apenas sobre resultados financeiros ou profissionais, mas também podem vir como uma meta de saúde, relacionamentos ou hobbies.

Defina prazos realistas

Prazos irreais podem levar a sobrecarga de trabalho, estresse e baixa qualidade na entrega das tarefas. Quando os prazos são realistas, é possível gerenciar melhor o tempo e aumentar a produtividade, visto que nos sentimos mais confiantes em relação à conclusão das tarefas.

Ao definir prazos, é importante levar em consideração a complexidade das atividades, a disponibilidade de recursos e o tempo necessário para a execução de cada tarefa. Além disso, avalie os possíveis obstáculos que podem surgir durante o processo e inclua uma margem de tempo para lidar com imprevistos.

Definir prazos realistas também ajuda a evitar a procrastinação e o acúmulo de tarefas, permitindo que você tenha uma visão clara das atividades a serem realizadas e possa planejar adequadamente o tempo necessário para cada uma delas. Isso ajuda a reduzir a sensação de sobrecarga e aumenta a sensação de controle sobre as atividades.

Evite distrações (dentro do possível)

Por fim, a dica mais valiosa é manter-se longe dos aparelhos eletrônicos, a menos que sejam fundamentais para a realização da tarefa em questão. Embora sejam muito úteis, eles também são uma das principais fontes de distração e um grande obstáculo para a gestão de tempo. Até mesmo uma rápida olhada em uma notificação pode quebrar a concentração e prejudicar o fluxo de atividades.

Além disso, mesmo quando for necessário usá-los, evite acessar redes sociais ou outros sites que não estejam relacionados com a tarefa em questão. Para ajudar, é possível definir horários específicos para essas distrações (como os intervalos da técnica Pomodoro), utilizar aplicativos que cronometram o tempo gasto com elas ou até mesmo bloquear o acesso a determinados sites ou apps.

Aperfeiçoar a gestão do tempo é essencial para empreendedores que buscam otimizar sua eficiência e produtividade pessoal e de suas empresas. Pensando nisso, elaboramos a formação exclusiva do Sebrae Gestão do Tempo: aumente sua eficiência e produtividade. O curso oferece técnicas e métodos que ajudam a aproveitar o tempo de forma eficaz, proporcionando resultados de qualidade e um fluxo de trabalho mais eficiente. 

Não deixe de aproveitar a oportunidade de aprender como a gestão do tempo pode impulsionar o sucesso do seu negócio. Participe do curso e descubra como melhorar sua organização, alcançar resultados mais sólidos e aproveitar ao máximo cada momento. Confira AQUI mais informações e garanta sua vaga!Esperamos que as dicas sejam úteis e te ajudem a lembrar que gerenciar o tempo em si, significa também gerenciar a energia, o foco e a motivação. E se precisar de ajuda de um guia simples, útil e gratuito: Baixe AQUI nosso kit de Ferramentas para melhorar a produtividade e comece a implementar já.

Compartilhe

Sobre o autor

Ana Débora

Ana Débora

Graduada em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, especialista em Gestão de Pessoas e Marketing. Atua na Unidade de Soluções e Relacionamento e é gestora das Mídias Sociais do Sebrae/RN.

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.