Blog

Pesquisar
Close this search box.

Saúde mental e empreendedorismo: 10 dicas práticas para conquistar o equilíbrio

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo

Sumário

Empreender é uma experiência incrível, repleta de desafios e recompensas. No entanto, não podemos ignorar o fato de que essa jornada também pode ser uma montanha-russa emocional. Oscilamos entre entusiasmo e preocupação, sucesso e incerteza. Portanto, tão importante quanto aprimorar nossos processos e manter disciplina nas estratégias é cuidar da saúde mental.

Para aqueles que embarcam no mundo do empreendedorismo, é evidente que a vida passa a ser marcada por grandes responsabilidades e momentos de pressão. É fácil cair na armadilha de trabalhar em excesso, tentando lidar com tudo por conta própria. Contudo, devemos lembrar que a eficiência não se mede pela quantidade de horas trabalhadas, mas sim pelos resultados alcançados.

Segundo uma pesquisa realizada pela Troposlab em colaboração com a Universidade Federal de Minas Gerais, divulgada em 2021, durante o período da pandemia, 30% dos empreendedores brasileiros procuraram apoio psicológico e tratamento para a Síndrome de Burnout. Essa síndrome é caracterizada por um esgotamento físico e mental extremo, resultante de estresse prolongado e intenso no ambiente de trabalho.

A saúde mental nas empresas também está diretamente ligada à lucratividade, com doenças mentais resultando em perdas de produtividade globais de cerca de US$ 1 trilhão. No Brasil, 53% dos cidadãos experimentaram algum declínio em sua estabilidade mental em 2020, tornando-o o quinto maior aumento entre 30 países pesquisados, de acordo com o Instituto Ipsos

A busca incessante por resultados, a falta de descanso adequado e a pressão para enfrentar desafios constantes podem levar ao esgotamento. Empreendedores são constantemente impulsionados a alcançar o melhor, mas é fundamental reconhecer os próprios limites e a importância de preservar a saúde mental. Pensando nisso, trouxemos aqui algumas dicas valiosas para te ajudar a alcançar o equilíbrio na jornada empreendedora e manter a produtividade com uma mente saudável. Confira!

1. Conheça seus desafios

É importante reconhecer os desafios que os empreendedores frequentemente enfrentam:

Jornadas mais longas: O empreendedorismo costuma exigir horas extras de trabalho. Isso pode ser cansativo e levar ao esgotamento se não for gerenciado adequadamente. Estabeleça limites de tempo para suas tarefas e tire pausas regulares para recarregar suas energias.

Pressão financeira: Muitas vezes, começar um negócio envolve desafios financeiros. Você pode estar investindo seu próprio dinheiro ou buscando financiamento, o que pode ser estressante. Lembre-se de criar um plano financeiro sólido e buscar orientação de especialistas quando necessário.

Isolamento: Os empreendedores podem se sentir isolados, já que o foco nos negócios muitas vezes os afasta de amigos e familiares. Priorize o tempo para relacionamentos pessoais e considere participar de grupos de apoio empresarial para compartilhar suas experiências.

Incerteza: A incerteza em relação ao futuro do seu negócio é uma constante. Isso pode criar ansiedade. Mantenha um plano de negócios flexível e esteja preparado para se adaptar às mudanças no mercado. Lembre-se de que a incerteza também pode trazer oportunidades inesperadas.

Reconhecer esses desafios é o primeiro passo para enfrentá-los de forma saudável e com as expectativas alinhadas.

2. Priorize o Autoconhecimento

O autoconhecimento é fundamental para manter a saúde mental. Antes de gerenciar seu negócio, busque formas de conhecer melhor a si mesmo, entender suas emoções, gatilhos de estresse e o que te faz sentir realizado – seja no âmbito pessoal ou profissional. 

Dessa forma, você pode identificar quando está se sentindo sobrecarregado e agir proativamente. Tire um tempo para refletir sobre suas emoções e, se necessário, considere a prática da escrita terapêutica para expressar seus sentimentos. 

3. Estabeleça limites claros

É fácil se perder no mundo dos negócios, mas definir limites pode ser essencial para evitar o esgotamento. Estabeleça horários de trabalho específicos e tente evitar o trabalho nos finais de semana sempre que possível. 

Respeitar seus limites pessoais ajuda a manter a saúde mental e promove um equilíbrio saudável entre trabalho e vida pessoal. Lembre-se de que tirar um tempo para descansar e cuidar de si muitas vezes pode ser determinante para manter o ritmo, e é uma maneira poderosa de proteger seu tempo e energia.

4. Aprenda a gerenciar bem o seu tempo

A falta de tempo é uma das principais causas de estresse para empreendedores. Aprenda a gerenciar seu tempo de forma eficaz, usando técnicas como a Técnica Pomodoro para manter o foco e evitar a procrastinação. Priorize tarefas importantes e delegue o que for possível para evitar sobrecarregar-se. Lembre-se de que um plano de gerenciamento de tempo bem estruturado é uma ferramenta valiosa para manter a calma sob pressão.

→ Confira aqui nossas 7 dicas infalíveis para uma melhor Gestão de Tempo

5. Cuide da sua saúde e busque ajuda profissional

A saúde mental está diretamente ligada à saúde física. Mantenha uma dieta equilibrada, durma o suficiente e inclua a atividade física em sua rotina. O exercício regular libera endorfinas, que podem ajudar a aliviar o estresse e melhorar o seu humor.

Além disso, faça check-ups regulares com um médico para garantir que sua saúde esteja em dia. Cuide do seu corpo, e sua mente agradecerá mantendo seu foco ainda maior nos objetivos da vida empreendedora e pessoal.

Além disso, não hesite em procurar ajuda de um profissional de saúde mental se estiver enfrentando problemas mais sérios. A terapia e o aconselhamento podem ser recursos valiosos para lidar com o estresse, a ansiedade e a depressão. Não há vergonha em buscar ajuda profissional, e pode ser uma etapa crucial para sua recuperação e bem-estar.

6. Busque sua rede de apoio

Ter alguém com quem conversar sobre seus desafios e sucessos pode ser extremamente valioso. Considere encontrar um mentor ou participar de grupos de empreendedores onde você possa compartilhar experiências e obter orientação. Um mentor pode oferecer conselhos valiosos com base em sua própria experiência no mundo dos negócios.

Além disso, ter um sistema de apoio composto por amigos, familiares, mentores e colegas empreendedores pode oferecer um suporte emocional valioso. Essas conexões permitem compartilhar preocupações, ideias e experiências, aliviando o isolamento que muitas vezes acompanha o empreendedorismo. 

7. Invista em práticas como Mindfulness e Meditação

Mindfulness e meditação são técnicas eficazes para reduzir o estresse e melhorar o foco. Reserve alguns minutos todos os dias para meditar ou praticar a atenção plena. Existem muitos aplicativos e recursos online que podem te guiar passo-a-passo nesse processo. A meditação regular pode ajudar a manter a calma em momentos de pressão e a tomar decisões mais conscientes.

8. Aprenda a dizer NÃO

A sobrecarga de trabalho muitas vezes ocorre porque os empreendedores têm dificuldade em recusar novos projetos ou compromissos. Saiba que dizer não é uma habilidade importante para preservar a sua saúde mental e manter o foco nas suas prioridades. Lembre-se de que cada sim a um novo projeto ou iniciativa pode significar um compromisso adicional em sua agenda, tempo de comprometimento e de entrega, então avalie cuidadosamente antes de aceitar.

9. Comemore suas conquistas

Às vezes, os empreendedores estão tão focados nos desafios futuros que esquecem de celebrar suas conquistas passadas. Reconheça e comemore os marcos do seu negócio. Isso pode ajudar a manter uma atitude positiva e lembrá-lo do progresso que você alcançou. Crie rituais de celebração sempre que atingir um objetivo significativo, por menor que seja.

10. Aprenda com o Fracasso

O fracasso faz parte do empreendedorismo e é importante vê-lo como uma oportunidade de aprendizado. Em vez de se desanimar, reflita sobre o que deu errado, ajuste sua estratégia e siga em frente com determinação renovada. Os empreendedores de sucesso frequentemente enfrentam falhas antes de atingir o sucesso. Use cada revés como um trampolim para o crescimento pessoal e empresarial.

Não esqueça de que a saúde mental é um tópico de grande relevância no meio empreendedor, apesar de frequentemente ser mal compreendida ou até negligenciada. Ela é influenciada por diversos fatores, incluindo aspectos psicológicos, sociais e biológicos, que podem afetar a personalidade e a estabilidade emocional. Não deixe de olhar para si mesmo e para sua jornada empreendedora com mais gentileza. 

Não deixe de conferir também nosso ebook completo sobre saúde mental e bem-estar!

Compartilhe

Sobre o autor

Ana Débora

Ana Débora

Graduada em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, especialista em Gestão de Pessoas e Marketing. Atua na Unidade de Soluções e Relacionamento e é gestora das Mídias Sociais do Sebrae/RN.

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.